28/06/2013

Franca: Secretário adere à mobilização por vôos comerciais

Reformas no aeroporto são trunfo para atrair empresas dispostas a operar na cidade

O secretário estadual de Transportes e Logística, Saulo de Castro Abreu Filho, disse, ontem (27), que vai se unir à mobilização pela implantação de vôos comerciais no Aeroporto Tenente Lund Presotto, em Franca. A afirmação de Saulo ocorreu durante audiência com o deputado estadual Roberto Engler (PSDB), que, desde o começo de 2012, trabalha no sentido de modernizar o aeroporto e viabilizar a volta de vôos comerciais à cidade.


Secretário e deputado se encontraram pela manhã, na sede da secretaria, em São Paulo. Engler falou sobre a série de investimentos que o Governo do Estado tem feito na estrutura do Aeroporto Lund Presotto. São mais de R$ 8 milhões de investimentos na pista, no terminal de passageiros, que vai mais do que dobrar de tamanho, e em equipamentos. Todas as intervenções devem ser concluídas até outubro.


“A questão é converter o que está sendo feito no aeroporto da cidade em benefícios que atinjam direta ou indiretamente uma grande parte da população, como atrativo do município e como fomento à geração de renda e empregos, o que é bom para toda a população”, afirmou o deputado Roberto Engler.


“A melhoria da estrutura propicia isso naturalmente, mas a mobilização política e a soma de esforços são importantíssimas. Sei que o prefeito Alexandre Ferreira (PSDB) está se empenhando no mesmo sentido e a participação de um secretário de Estado agrega ainda mais força à articulação”, completou. 


Saulo se prontificou a ressaltar junto a empresas aéreas a importância econômica e regional da cidade. “Franca é um centro industrial e comercial importante de São Paulo e, terminadas as reformas, creio que poderá, sim, contar com empresas operando na cidade”, disse.
A primeira etapa de reforma do Aeroporto Lund Presotto, avaliada em R$ 2,6 milhões, foi concluída no fim do ano passado, com a construção do turn-around (área de giro de aeronaves nas cabeceiras) e ampliação do pátio de aeronaves. A segunda, de R$ 2,8 milhões, inclui melhorias no Terminal de Passageiros e deve ser concluída em outubro. As obras, avaliadas em R$ 2,8 milhões, vão mais do que dobrar a área construída do Terminal de Passageiros. 


Haverá salas de embarque e desembarque com sanitários, criação de saguão central, áreas comerciais e café, além de estrutura de check-in e check-out, áreas de segurança e vistoria de bagagens e passageiros e controle de acessos à área restrita. O novo terminal ainda contará com sistema de combate a incêndios, com caminhão especial de bombeiros, avaliado em R$ 1,5 milhão, destinado integralmente ao local.

 

AZUL TEM INTERESSE
Em abril, o deputado estadual Roberto Engler se reuniu com diretores da Azul Linhas Aéreas, que confirmaram o interesse da empresa em operar no Aeroporto Tenente Lund Presotto. Vôos comerciais em Franca, por meio da companhia, no entanto, só devem ser possíveis em 2014. 


O deputado esteve com o diretor de Planejamento da Azul, Marcelo Bento Ribeiro, e com o gerente de Relações Institucionais, Ronaldo da Silva Veras, na sede da empresa, em Barueri. Há mais de um ano, a empresa enxerga Franca como um mercado potencial. 


“Ao lado de Araraquara, Franca é prioridade da Azul no estado de São Paulo. Porém, o plano de expansão para 2014 será concluído somente no fim deste ano e a programação depende de fatores como demanda, mercado e até mesmo o andamento das reformas de nosso aeroporto”, revelou Engler. 


“A aviação regional está em alta no País e esperamos que a Azul e outras companhias enxerguem Franca como uma alternativa de expansão de suas linhas”, afirmou o deputado.