20/12/2012

Custo do recape da SP 253 deve ser conhecido em janeiro

Roberto Engler

Prazo para propostas terminou nesta quinta; lista oficial de ofertas sai em breve

 

20/12/2012 - As empresas interessadas em realizar a recuperação da SP 253 - Conde Francisco Matarazzo, entre Santa Rosa de Viterbo e a Rodovia Anhanguera, passando por São Simão, e suas respectivas propostas de custo para a obra devem ser conhecidas em 2013. Os envelopes com as ofertas das empreiteiras que se inscreveram na concorrência pública foram abertos nesta quinta (20), em São Paulo, mas a lista oficial de concorrentes só deve ser publicada em janeiro.
A informação foi obtida pelo deputado estadual Roberto Engler junto ao DER (Departamento de Estradas de Rodagem). Engler tem trabalhado pelo recapeamento em parceria com o vereador Guilherme Felizardo (PV), de Santa Rosa de Viterbo, e Eduardo Pretel (PSDB), de São Simão.
A estimativa de custo das obras é de R$ 40 milhões, em percurso total de 30,5 quilômetros. As melhorias terão financiamento por meio de parceria entre o Governo do Estado de São Paulo e o Banco de Desenvolvimento da América Latina.
“As coisas estão caminhando, estamos vencendo cada etapa por vez. Sei que esse recapeamento é aguardado há muito tempo, mas já é possível afirmar que muito em breve teremos máquinas na pista”, disse Engler.
Ele fez questão de ressaltar os muitos contatos que tem tido com lideranças locais para colocá-los a par das definições tomadas pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio do DER.
“Além dos vereadores Guilherme Felizardo, de Santa Rosa, e Eduardo Pretel, de São Simão, falei do assunto também com o prefeito e o vice-prefeito eleitos em São Simão, Izaías (Leão de Souza - PSL) e Adauto Gato Gordo (PSD). Essa mobilização suprapartidária pelos interesses das cidades é sempre muito importante, pois é um argumento forte para demonstrar a legitimidade do pedido”, afirmou o deputado.