25/05/2012

Estado investirá R$ 80 milhões na Fábio Talarico

Roberto Engler

Valor inclui duplicação de seis quilômetros e recape até São Joaquim da Barra

 

25/05/2012 - O deputado estadual Roberto Engler (PSDB) segue trabalhando junto ao DER (Departamento de Estradas e Rodagem) para que a Rodovia Fábio Talarico possa ter melhorias o mais breve possível. Engler confirmou, em reunião com o superintendente do departamento, Clodoaldo Pelissioni, que a estrada deve receber mais de R$ 80 milhões em investimentos do Governo do Estado de São Paulo entre o segundo semestre de 2012 e o primeiro semestre de 2013.
Engler e Pelissioni estiveram juntos ontem (24). O valor estimado da duplicação de 6,5 quilômetros da Fábio Talarico no perímetro urbano de Franca, entre o trevo com a Rodovia Cândido Portinari e o Distrito Industrial, é de R$ 26 milhões e a projeção de custo do recape da estrada entre Franca e São Joaquim da Barra, com a construção de terceiras faixas e pavimentação de acostamentos, é de R$ 56 milhões.
A expectativa de início das obras, no entanto, é diferente, principalmente em razão de a duplicação ser mais complexa e ter exigências ambientais adicionais. “O recape entre Franca e São Joaquim da Barra pode ser licitado por volta de setembro próximo, enquanto que a duplicação deve demorar um pouco mais, quem sabe saia antes do fim deste ano”, revela o deputado Roberto Engler.
Agora em junho, a Fábio Talarico já deve receber outra obra, em trecho no município de Guaíra (em direção à Rodovia Assis Chateaubriand). Lá, serão investidos R$ 15 milhões em trecho de aproximadamente 27 quilômetros.
Apesar de alguns imprevistos, a licitação está finalizada e a ordem de serviço deve sair rapidamente. “Pelo que se observa, atualmente esta é a parte em pior estado de conservação da rodovia”, diz o parlamentar tucano.

 

CÂNDIDO PORTINARI
O projeto e o estudo ambiental da duplicação da Rodovia Cândido Portinari entre Franca e Jeriquara e recapeamento e faixas adicionais entre Jeriquara e Rifaina, passando por Pedregulho, continuam em andamento. O início das obras deve acontecer entre o fim de 2012 e o início de 2013. “É um planejamento extenso e os prazos contratuais indicam essas previsões”, afirma Engler.

 

RIO NEGRO & SOLIMÕES
A contratação de projeto para melhorias da Rodovia Rio Negro & Solimões (Estrada Velha Franca-Batatais) está em fase final. Restam detalhes para que o DER homologue a licitação que definirá a empresa responsável por elaborar o projeto.
O deputado Roberto Engler usa uma metáfora para explicar o que significa a contratação da empresa que vai realizar o projeto. “Quando você vai construir uma casa, o que você faz primeiro? A planta, certo? Então, a empresa contratada seria o arquiteto, quem faz a planta da obra. Só com o projeto é que se pode licitar a obra propriamente dita”, diz Engler.
O projeto de intervenções na Rodovia Rio Negro & Solimões prevê dois trechos de pavimentação, entre os quilômetros 354,6 e 378,2 e 387 e 398,4. Contempla, ainda, outros dois segmentos de recuperação do asfalto, entre os quilômetros 352,3 e 354,6 e 378,2 e 387.
Além disso, toda a estrada deve ganhar acostamento novo. “Chamamos de pavimentação por dois motivos: primeiro, porque vai completar toda a extensão da estrada e, segundo, porque onde há asfalto a condição está muito ruim”,
Em fevereiro deste ano, atendendo reiterados pedidos do deputado, o DER antecipou o cronograma de obras da estrada. “Inicialmente, essa fase de projeto que estamos atravessando só ocorreria no fim de 2012. Da forma como conseguimos caminhar, existe a chance de termos licitação da obra ainda este ano e início das melhorias no primeiro semestre de 2013. Vamos torcer, acompanhar e trabalhar”, garante Engler.