12/04/2012

Obras em estradas estaduais se multiplicam em 2012

Roberto Engler

Deputado Roberto Engler busca acelerar melhorias do Governo do Estado
 
 
12/04/2012 - Ao longo de 2012, toda a região deve receber muitos investimentos viários financiados pelo Governo do Estado. As obras alcançam estradas em toda parte do nordeste paulista, custarão milhões de reais, representam ganhos em segurança e estrutura de escoamento da produção agrícola/industrial e tem sido objeto do trabalho do deputado estadual Roberto Engler (PSDB). 
No início do mês de abril, em reunião com o superintendente do DER (Departamento de Estrada de Rodagem), Clodoaldo Pelissioni, o parlamentar buscou acelerar várias dessas obras. 
Engler ressaltou a importância do trabalho realizado pela secretaria estadual de Transportes e pelo secretário Saulo de Castro Abreu Filho e por Pelissioni a partir da liderança do governador Geraldo Alckmin (PSDB). “Vejo que 2012 é um ano de muitas melhorias e isso se deve à eficiência demonstrada pelo governador Geraldo Alckmin”, diz.
Veja, a seguir, algumas das intervenções previstas para a região.
CÂNDIDO PORTINARI
Principal reivindicação da região de Franca, rodovia que liga a cidade a Rifaina, passando por Cristais Paulista, Ribeirão Corrente, Jeriquara e Pedregulho, a Rodovia Cândido Portinari terá investimento de por volta de R$ 130 milhões.
O DER contratou a empresa que vai elaborar o estudo de impactos ambientais provocados pela duplicação da Rodovia Cândido Portinari entre Franca e Jeriquara. A assinatura do contrato com a vencedora da licitação ocorreu no início de abril. Este é mais um passo para a concretização das melhorias que incluem também recapeamento e faixas adicionais entre Jeriquara e Rifaina, passando por Pedregulho. O início da duplicação deve ocorrer entre o fim de 2012 e o início de 2013.
Por se tratar de uma duplicação de aproximadamente 15 quilômetros, a obra exige estudo ambiental. “O trabalho executado pela consultoria contratada é condição para que os órgãos ambientais estaduais dêem aval para as intervenções”, explica o deputado Roberto Engler, liderança regional que tem buscado acelerar a obra junto ao superintendente do DER, Clodoaldo Pelissioni, com quem o parlamentar se reuniu há dez dias.
Há cerca de um mês, a licitação do projeto executivo de duplicação da Rodovia Cândido Portinari entre Franca e Jeriquara e recapeamento e faixas adicionais de Jeriquara a Rifaina já havia sido finalizada pelo departamento. O prazo para que o projeto esteja pronto é de até 10 meses.
FARIA LIMA, ARMANDO DE SALES E ASSIS CHATEAUBRIAND
As rodovias Brigadeiro Faria Lima, Armando de Sales Oliveira e Assis Chateaubriand, e a recuperação completa da SP-413 – Norival Pereira Matos são algumas das obras que começam em 2012.
A duplicação de 5,5 quilômetros da Rodovia Brigadeiro Faria Lima em Barretos e a implantação de 3ª faixa e pavimentação de acostamentos, com recape, até Colômbia, sofreu imprevistos. A expectativa é de que em 30 dias seja anunciada a empresa vencedora da licitação. “A partir disso, esperamos máquinas na pista em junho”, prevê Engler.
A Rodovia Armando Sales de Oliveira deve ganhar 3ª faixa entre Bebedouro e Olímpia, passando por Monte Azul Paulista, e duplicação de 2,7 quilômetros no perímetro urbano de Bebedouro. “Um investimento de pelo menos R$ 100 milhões”, revela Roberto Engler. Em andamento, a licitação das melhorias termina em maio.
A Assis Chateaubriand receberá o maior investimento, cerca de R$ 300 milhões para recapeamento, faixas adicionais e novos acostamentos de São José do Rio Preto a Miguelópolis, e dois trechos urbanos de duplicação, em Rio Preto (12 quilômetros) e Barretos (10 quilômetros). São 156 quilômetros de via com melhorias. “E a garantia de que na região de Barretos, Colina, Guaíra, haja obras ainda neste ano”, ressalta Engler.
VOLTA GRANDE 
As obras de recape e pavimentação dos acostamentos da SP-413 – Norival Pereira Mattos, que leva à divisa de Minas Gerais e à Usina Volta Grande, partindo da SP 425 – Assis Chateaubriand – tem previsão atualizada de início para novembro. Previsão mais exata data para novembro o início das intervenções. O cronograma depende do bom andamento dos processos legais de licitação. A publicação da concorrência pública para a obra está prevista para julho. 
O investimento estimado, de R$ 28 milhões, seria arcado com financiamento internacional junto ao Banco Mundial. No entanto, o péssimo estado da rodovia fez com que o Governo do Estado retirasse a estrada do pacote que terá financiamento internacional e decidisse realizar a obra com recursos próprios. “É uma boa notícia, sem dúvida. A população de Guaíra e da região agradece”, afirma o vereador guairense José Reginaldo Moretti (PSDB).
O deputado Roberto Engler tem trabalhado pela recuperação da SP-413 há mais de um ano depois de reivindicações feitas pelo vereador José Reginaldo Moretti, pelo vice-prefeito Edvaldo Morais (PSDB) e pela Imprensa de Guaíra. “Essa sinalização é muito importante para que saibamos prioridades da cidade e da região”, diz o tucano.
Ele ressalta também a mobilização política de toda a região. Em Barretos, a participação do vereador Guilherme Ávila, do diretor do Instituto Matilde Machado, Cleber Crispim e do coordenador do Movimento pela duplicação da Faria Lima, Niltinho Vieira. Em Colina, o apoio do prefeito Valdemir Antônio Moralles, o Mi (PSDB), e do vereador Ali Zaki Sammour, o Alizinho (PSDB). “Cada movimento político de mobilização das comunidades é importante no momento de defesa das prioridades viárias de nossa região”, enfatiza Engler.
FÁBIO TALARICO
A Rodovia Fábio Talarico é outra que será renovada com pelo menos três obras diferentes, uma delas ainda neste ano. O recape no trecho de Guaíra até