29/12/2021

CDHU entrega 86 casas em Terra Roxa

Investimento de R$ 8 milhões foi intermediado pelo deputado Roberto Engler

imagem_destaque

Terra Roxa recebeu moradias populares / Imagem ilustrativa

A CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) entregou 86 casas populares a moradores de Terra Roxa, na terça-feira (28). O trabalho do deputado estadual Roberto Engler (PSB), em parceria com o vereador Paulinho Guiselini (PSDB), foi essencial para a concretização das unidades habitacionais, que representam investimento de R$ 8 milhões.

Roberto Engler e Paulinho Guiselini iniciaram o trabalho para a construção do Conjunto Habitacional Antônio Gianello em fevereiro de 2013. Desde então, as etapas para viabilizar as moradias foram sendo vencidas uma a uma. O sorteio dos beneficiados ocorreu em julho do ano passado e, agora, as chaves foram entregues.

“Foi um longo processo, que começa com a definição da área que recebeu as casas e sempre tem muitos obstáculos jurídicos e burocráticos. Mas não desistimos, buscamos auxiliar o município no diálogo com a CDHU e seguimos cobrando do Governo do Estado que as coisas andassem. A recompensa veio, com a alegria de saber que 86 famílias tem o seu novo lar”, ressalta o deputado Roberto Engler.

As casas foram equipadas com geladeira, fogão e forno micro-ondas para famílias com renda mensal de até três salários mínimos. Elas possuem dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro e área útil de 47,87 metros quadrados, com piso cerâmico, azulejo no banheiro, na cozinha e na área de serviço, laje, cobertura em estrutura metálica e sistema de geração de energia solar fotovoltaica.

O financiamento dos imóveis segue as novas diretrizes da Política Habitacional do Estado de SP, com juros zero para famílias com renda mensal de até cinco salários mínimos. Assim, o valor será praticamente o mesmo ao longo dos trinta anos de contrato, que sofrerá apenas a correção monetária calculada pelo IPCA.

O valor das parcelas é calculado levando-se em conta a renda das famílias, que podem comprometer, no máximo, 20% dos rendimentos mensais com as prestações. No conjunto habitacional entregue em Terra Roxa, 97% das famílias contempladas ganham até cinco salários mínimos. O valor da menor prestação é de R$ 220,00.


Foto: CDHU