06/04/2011

Engler reitera prioridades viárias de Franca ao DER

Roberto Engler

Duplicação da Rodovia Cândido Portinari entre a cidade e Rifaina está na lista

 

06/04/2011 - O deputado estadual Roberto Engler (PSDB) reiterou, ontem (5), ao superintendente do DER (Departamento de Estradas de Rodagem), Clodoaldo Pelissioni, quatro prioridades viárias de Franca e região: as duplicações da Cândido Portinari e de trecho da Ronan Rocha, a recuperação do pavimento da Fábio Talarico e o asfaltamento da Rodovia Rio Negro & Solimões (Estrada Velha Franca-Batatais).
Cada obra teve suas particularidades discutidas detalhadamente. As duplicações da Cândido Portinari entre Franca e Rifaina e da Ronan Rocha entre Itirapuã e Patrocínio Paulista tiveram dois caminhos aventados para sua execução.
Uma das hipóteses seria envolver a obra em uma negociação com a concessionária de rodovias que administra as principais estradas da região, possibilidade que envolve a Artesp (Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo). A outra é a execução das obras, de forma segmentada, com recursos do tesouro do Estado. “Reforçamos a importância desses objetivos e nos colocamos à disposição para colaborar da forma como for possível dentro da forma encontrada para atingi-los”, disse Engler.
O recapeamento da Rodovia Fábio Talarico entre Franca e a Rodovia Anhanguera também foi objeto da audiência. Engler destacou a necessidade de duplicação de seis quilômetros da via no perímetro urbano de Franca (do trevo com a Rodovia Cândido Portinari até o fim do Distrito Industrial) e a importância da construção de um trevo em desnível no acesso a São José da Bela Vista.
A pavimentação de cerca de onze quilômetros da Rodovia Rio Negro & Solimões foi outra meta abordada na conversa. “Foi uma reunião na qual expressamos pontos cruciais para a segurança e para o conforto dos motoristas que usam a malha viária da região e tomamos pé de como o DER está tratando esses assuntos no início do mandato do governador Geraldo Alckmin (PSDB)”, afirmou Engler.
O deputado crê que não devamos ter muitas novidades nesses temas nos próximos meses e crê que os primeiros meses de 2011 serão de contenção de gastos por parte do Governo do Estado. “Isso é o que temos sentido pelas conversas que temos tido. Ouvi do amigo Clodoaldo que essas são obras que estão em vista, com projetos prontos, na sua grande maioria, e que portanto fazem parte dos planos do departamento. Reforcei a importância delas para toda a região. Porém não é possível prever quando teremos máquinas na pista, trabalhando em qualquer dessas estradas”, ponderou Engler.