26/01/2021

Janeiro Branco busca promover a Saúde Mental

Campanha alerta para o aumento de pessoas com transtorno psíquicos

A campanha Janeiro Branco tem como foco a promoção da Saúde Mental, alertando para o aumento do número de pessoas com algum tipo de transtorno psíquico e buscando maneiras de melhorar a condição dessas pessoas. O deputado estadual Roberto Engler (PSB) é autor do projeto de lei 85/2020, que oficializa a campanha no estado de São Paulo.

O Brasil é o país com o maior número de pessoas ansiosas no mundo (9,3% da população) e 5,8% dos brasileiros sofrem de depressão, segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde). 

“É uma quantidade significante de pessoas em sofrimento. Aprofundar o debate sobre esse tipo de dificuldade a que todos nós estamos sujeitos é muito importante”, diz o deputado estadual Roberto Engler.

Ainda segundo a OMS, uma em cada quatro pessoas vai sofrer com algum transtorno mental durante a vida. Mesmo assim, os investimentos dos governos no tratamento não correspondem à alta demanda.

“O Janeiro Branco não implica em ampliar o custo das ações de forma significativa, mas apenas em colocar o assunto em evidência e fazer com que políticas públicas possam ser orientadas para o tema. Essa é a ideia da campanha, seguida pelo nosso projeto”, afirma Roberto Engler.

O projeto de lei 85/2020 prevê a realização de palestras e eventos, encontros comunitários, iluminação ou decoração de espaços com a cor branca, a cada mês de Janeiro, fazendo, as referidas ações voltadas à promoção da Saúde Mental, parte do calendário anual das secretarias que as promovam.

Pode o Poder Executivo buscar a cooperação da iniciativa privada e/ou de entidades civis, organizações profissionais e científicas, para a concretização das ações da campanha.

A proposta está em tramitação pelas comissões temáticas da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. Atualmente, na Comissão de Constituição, Justiça e Redação, tem parecer favorável e aguarda apreciação do órgão.