14/01/2021

Lei oficializa homenagem a Doutor Paulo Gera

Dispositivo na Cândido Portinari recebe nome de dentista francano

imagem_destaque

Doutor Paulo Gera

Por iniciativa do deputado estadual Roberto Engler (PSB), dispositivo de acesso e retorno localizado no quilômetro 387,7 da Rodovia Cândido Portinari, em Restinga, passa a se chamar  Doutor Paulo Gera. A homenagem foi oficializada por meio da lei da lei 17.317/2021, sancionada nesta semana.

A vida do homenageado foi marcada pela solidariedade. "Quem conheceu o Doutor Paulo Gera sabe que a sua marca como pessoa era a disposição de ajudar o próximo. Essa característica sempre me chamou a atenção. Ele foi, sem dúvida alguma, umas das melhores pessoas que já conheci”, disse o deputado Roberto Engler.

Paulo Gera nasceu em Franca, em 1945. Neto de imigrantes italianos, seu pai era alfaiate e sua mãe, dona de casa. Estudou toda a sua vida em escolas públicas e, na juventude, vendeu livros e deu aulas de matemática.

Casou-se, em 1968, com Liliana Junqueira Villela, com quem teve dois filhos: Silvio e Ricardo. Em 1972, formou-se cirurgião-dentista na USP de Ribeirão Preto. Começou a trabalhar como dentista naquela cidade e, em 1980, mudou-se com a família para Franca. Montou consultório dentário na Rua General Carneiro e, posteriormente, na Rua Tomaz Gonzaga.

Ao longo dos anos, passou a ajudar a população menos favorecida em atendimentos cirúrgico-odontológicos na Santa Casa de Misericórdia, Pronto-Socorro, Hospital Allan Kardec e em outros estabelecimentos de Saúde da região, sempre sem cobrar nada por seus serviços.

Durante a vida, foi totalmente desapegado dos bens materiais e da pretensão de ascensão econômica e social. Sua vocação para a solidariedade é algo indiscutível e presente em toda a sua trajetória. Paulo Gera faleceu em 2008.