27/03/2018

Lei oficializa denominação do CEEJA de Barretos

Norma homenageia o professor Dorival Thomaz da Costa

Foi publicada, no Diário Oficial de ontem (26), a lei 16.704, de autoria do deputado estadual Roberto Engler (PSDB), que denomina Professor Dorival Thomaz da Costa o CEEJA (Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos) de Barretos.

A norma homenageia docente que teve trajetória brilhante tanto na sala de aula como na gestão escolar e foi um incentivador da Educação de Jovens e Adultos. “É mais uma forma de reconhecimento a uma figura que contribuiu verdadeiramente para a Educação de Barretos e da região. Fico honrado de ser o instrumento que oficializa essa iniciativa”, afirmou o deputado estadual Roberto Engler.

Dorival Thomaz da Costa nasceu em São José do Rio Preto, em 1948. Graduado em Matemática e em Pedagogia, iniciou sua atividade docente em Ribeirão Pires e lecionou em várias cidades, entre elas Barretos, Cajobi, Olímpia e Severínia. 

Em 1986, foi aprovado em concurso público para diretor de escola e assumiu o comando da Escola Estadual Coronel João Batista de Lima Figueiredo, em Tapiratiba. 

No mesmo ano, foi transferido para a Escola Estadual Doutor Antonio Olympio, em Barretos, cidade na qual atuou até o fim de sua carreira. Em 1987, atuou na Escola Estadual Coronel Raphael Brandão e, em 1988, passou a dirigir a Escola Estadual Professora Paulina Nunes de Moraes. Dirigiu a unidade até outubro de 2012, quando se aposentou.

O professor Dorival Thomaz da Costa fez carreira profissional sempre ligada à Educação, tendo ocupado o cargo de dirigente regional de Ensino de Barretos entre 1989 e 1992. Nesse período, incentivou a expansão da oferta de cursos supletivos na cidade, justamente na direção do trabalho feito pelo CEEJA atualmente.

Exerceu também o cargo de secretário municipal de Educação entre 1997 e 1998. Toda essa contribuição lhe garantiu diversas ações de reconhecimento por parte da comunidade barretense, em especial o título de Cidadão Honorário de Barretos, oferecido pela Câmara Municipal, em 2000, e o título de Professor do Ano, dado pelo CPP (Centro do Professorado Paulista), no ano seguinte. 

Paralelamente às atividades exercidas no magistério, professor Dorival Thomaz da Costa foi presidente e responsável pela construção do Centro de Lazer do Trabalhador de Cajobi. Além disso, foi membro fundador da ALAB (Academia de Letras e Artes Barretense) e membro da Loja Maçônica Estrela Flamígera. 

Professor Dorival Thomaz da Costa faleceu aos 65 anos, em 2013.