24/04/2017

Alckmin entrega parte da duplicação da Cândido Portinari

Pista dupla em 15 kms da rodovia representa investimento de R$ 100 milhões

imagem_destaque

Modernização da rodovia incluiu dois novos viadutos erguidos no trecho inaugurado

Na sexta-feira (21), em Cristais Paulista, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) entregou parte das intervenções previstas para a duplicação de 15 quilômetros da Rodovia Cândido Portinari. Com intermediação do deputado estadual Roberto Engler (PSDB), cerca de R$ 100 milhões estão sendo investidos pelo Governo do Estado de São Paulo na estrada, entre Franca e o trevo de acesso a Jeriquara.

O trecho inaugurado pelo governador tem oito quilômetros, compreendidos do km 413 ao km 421. Dois viadutos foram implantados, um no km 414 e outro no km 420,4, dando acesso à Jeriquara. No total, as obras de duplicação e melhorias da via serão do km 406 ao km 421.

A melhoria oferece mais segurança aos usuários, além de favorecer o desenvolvimento econômico dos municípios vizinhos à rodovia, com melhorias no transporte de cargas e também na atração de empregos, uma vez que o tráfego logístico pela região melhora. 

“É uma vacina que evita acidente, promove o desenvolvimento, atrai mais empresas pra região e é uma segurança e promove o turismo”, disse o governador Geraldo Alckmin.

O deputado Roberto Engler ressaltou a importância da duplicação de mais um trecho da Cândido Portinari para a região. “É algo que tem sido reivindicado há anos e essa inauguração marca mais um avanço no sentido da realização. Agradeço ao governador Geraldo Alckmin por ter atendido um pedido que não era só nosso, mas da população de Franca e região”, disse o parlamentar. 

Cerca de 5,7 mil veículos trafegam diariamente pelo trecho duplicado. A obra gerou 188 empregos diretos e indiretos, com investimento de R$ 48,1 milhões. A empresa responsável pelos serviços foi a Val Rocha Engenharia.

No Lote 1, cerca de 82,85% das obras estão concluídas. No total, são sete quilômetros de duplicação, do km 406 ao km 413, com conclusão prevista para agosto deste ano. Supervisionada pelo DER (Departamento de Estradas de Rodagem), órgão vinculado à Secretaria de Logística e Transportes, o lote 1 tem investimentos de R$ 62,6 milhões e teve início em setembro de 2014.


Foto: Alexandre Carvalho/A2img/SPNotícias