23/03/2017

Santa Rosa de Viterbo deve receber carreta da mamografia

Intenção é atender a cidade e também municípios vizinhos

imagem_destaque

Guilherme Felizardo, Luís dos Reis Augusto, Roberto Engler, Eduardo Ribeiro Adriano e Luis Fernando Gasperini

Santa Rosa de Viterbo deve receber, no segundo semestre deste ano, o Programa Mulheres de Peito, de prevenção ao câncer de mama. O programa oferece uma carreta móvel em que é possível a realização de exames gratuitos de mamografia.

A solicitação do programa foi apresentada em audiência na Secretaria Estadual de Saúde, na manhã desta quinta-feira (23). O deputado estadual Roberto Engler (PSDB), o prefeito de Santa Rosa de Viterbo, Luis Fernando Gasperini (DEM), o vereador Luís dos Reis Augusto (SDD) e o diretor municipal de Desenvolvimento Social, Guilherme Felizardo, se reuniram com o secretário estadual adjunto de Saúde, Eduardo Ribeiro Adriano. 

A intenção da secretária é, a partir da solicitação de Santa Rosa, atender não apenas a cidade, mas também outros municípios da região. Uma programação que envolva outras prefeituras deve ser estabelecida em conjunto com o Departamento Regional de Saúde de Ribeirão Preto.

“Sem dúvida alguma, é uma grande conquista e uma ótima oportunidade. A prevenção do Programa Mulheres de Peito é valiosa e poderá ser estendida não apenas aos moradores de Santa Rosa de Viterbo como também a populações vizinhas. Espera-se que pelo menos 500 mamografias sejam realizadas em um prazo de 15 dias”, afirmou o deputado Roberto Engler.

O Mulheres de Peito incentiva mulheres entre 50 e 69 anos a realizarem o exame de mamografia. Ao todo, são quatro carretas móveis e um caminhão adaptado que percorrem todo o Estado. 

Os veículos são equipados com mamógrafo, ultrassom, conversor de imagens analógicas e digitais, impressoras, antenas de satélite, computadores, mobiliários e sanitários. O exame é feito na hora e o resultado sai em dois dias.

A Prefeitura de Santa Rosa já se dispôs a oferecer a estrutura necessária para receber a carreta móvel e acomodar os profissionais envolvidos.


AMBULÂNCIA
Na mesma reunião, a comitiva representativa de Santa Rosa de Viterbo solicitou o repasse de uma ambulância para o município. O custo do veículo varia de acordo com a quantidade adquirida. Por isso, a secretaria planeja reunir uma quantidade maior de solicitações, a fim de obter maior poder de negociação nas aquisições. 

Como a secretaria carece de recursos para realizar as compras ao longo deste ano, deputado e secretário adjunto planejam buscar o apoio da Secretaria da Casa Civil e o envolvimento de outros parlamentares para obter a liberação de verbas para a compra das ambulâncias.

“Registramos a solicitação e vamos aguardar que a Saúde sinalize que há demanda suficiente para prosseguir com a articulação para obtenção das verbas. Assumimos um compromisso de sermos parceiros na busca desses recursos”, afirmou o deputado estadual Roberto Engler.