29/11/2016

Ato Solene homenageia os 21 anos do Projeto Guri

Cerimônia marcou o aniversário do maior programa sociocultural brasileiro

imagem_destaque

Roberto Engler: “Uma tarde memorável

A tarde desta segunda-feira (28) foi de emoção na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. Com direito a apresentações da Big Band Guri Santa Marcelina e do Grupo de Referência do Guri de Sorocaba, os 21 anos do Projeto Guri foram celebrados. Vinte e uma pessoas que ajudaram a construir a brilhante trajetória do maior programa sociocultural brasileiro foram homenageadas (veja lista abaixo).


O evento foi uma iniciativa dos deputados estaduais Roberto Engler (PSDB) e Leci Brandão (PC do B), ambos da Comissão de Educação e Cultura da Assembleia Legislativa, em parceria com a Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo e ocorreu no Auditório Franco Montoro, na Assembleia Legislativa.


Além dos parlamentares, a diretora-executiva da Associação Amigos do Projeto Guri, Alessandra Fernandez Alves da Costa, a diretora-presidente da Santa Marcelina Cultura, Irmã Rosane Ghedin, a secretária adjunta da Secretaria Estadual da Cultura, Lúcia Camargo, e o coordenador da Unidade de Formação Cultural da Secretaria Estadual da Cultura, Dennis Alexandre Rodrigues de Oliveira, compuseram a mesa da cerimônia.


Uma apresentação da Big Band Guri Santa Marcelina, com animadas músicas marcadas pela influência do jazz, antecedeu o Ato Solene. Logo depois, foi a vez do Grupo de Referência do Projeto Guri de Sorocaba exibir um repertório de canto e danças tipicamente brasileiras.


“Uma tarde memorável, que reconhece, merecidamente, a contribuição de muitos para o nosso Projeto Guri e, acima de tudo, atesta uma vez mais o principal motivo pelo qual o projeto existe: a formação de melhores seres humanos por meio da música. Desde 1995, são mais de 650 mil crianças e jovens que, de alguma forma, tiveram suas vidas mudadas para melhor por meio do Projeto Guri”, disse o deputado estadual Roberto Engler


Mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, o Projeto Guri é considerado o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos. 


Atualmente, mais de 50 mil alunos são atendidos por ano, em mais de 400 polos de ensino distribuídos por todo o estado de São Paulo. Os cerca de 360 polos localizados no interior e litoral, incluindo os polos da Fundação Casa, são administrados pela Associação Amigos do Guri, enquanto o controle dos 46 polos da capital e da Grande São Paulo fica por conta da organização social Santa Marcelina Cultura. 


Uma exposição fotográfica, que conta a história dos 21 anos do programa em imagens, segue disponível para visitação até o dia 09/12, na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.



HOMENAGEADOS

A lista de homenageados pelos 21 anos do Projeto Guri é variada. Ela inclui alunos, ex-alunos, educadores, patrocinadores, gestores e pessoas envolvidas com a criação e a manutenção do programa ao longo de mais de duas décadas. Cada um deles recebeu um pequeno troféu de madeira com detalhe em formato de violão e um certificado. 


Abaixo, a relação dos nomes dos homenageados:


Fabiane Sanches Peres 

Mauricio Vasconcellos

Berenice Gianella

Gilsi Garcia 

Garbila Lauana Bizutti

Bruno Celso Aguiar de Paula

Ana Paula Souza Rotundo

Elca Rubinstein

Antonio Carlos Sartini

Antonio Rudnei Denardi

Edmur Mesquita

Marcos Mendonça

Comissão de Educação e Cultura da Assembleia Legislativa

Irmã Giuseppina Raineri

Irmã Ângela Rivero

Irmã Zenaide Salette Pagnoncelli

Cláudia Camargo Toni

Yara Borges Caznok

Fabio Sandrini

Eliane Aparecida Santos

Isaque Elias Lopes


Foto: Bruna Sampaio/Agência Alesp