03/05/2016

Roberto Engler solicita informações da Operação Alba Branca

Via Comissão de Educação, deputado quer conhecer andamento das investigações

imagem_destaque

Roberto Engler quer tomar conhecimento de investigações

O deputado estadual Roberto Engler (PSDB) solicitou que a presidente da Comissão de Educação e Cultura da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, deputada estadual Rita Passos (PSD), envie ofícios, em nome da comissão, solicitando o andamento das investigações da Operação Alba Branca, que investiga denúncia de propina ligada a licitações de merenda escolar no estado de São Paulo.

A intenção do parlamentar é que o procurador geral de Justiça, Gianpaolo Poggio Smanio, o desembargador do Tribunal de Justiça, Sérgio Rui, e os promotores da circunscrição judiciária de Bebedouro ofereçam informações sobre as apurações realizadas pelo Ministério Público nas esferas cível e criminal.

“Como este assunto tem sido objeto de debate na Comissão de Educação e Cultura da Assembleia Legislativa, há uma clara necessidade dos membros desta comissão de tomar conhecimento das investigações, para, eventualmente, analisar e interpretar as informações já coletadas pelos órgãos competentes”, afirmou o deputado estadual Roberto Engler.


COMISSÃO VAI OUVIR INVESTIGADOS
Em reunião na tarde de hoje (3), a Comissão de Educação e Cultura da Assembleia Legislativa aprovou o convite para ouvir três investigados pela Operação Alba Branca. O ex-chefe de gabinete da Casa Civil, Luiz Roberto dos Santos, o Moita, deve ser prestar esclarecimentos no dia 10 próximo, o ex-chefe de gabinete da Secretaria Estadual de Educação, Fernando Padula, no dia 24 e o ex-secretário estadual de Educação, Herman Jacobus Voorwald, no dia 31.

A agenda de depoimentos foi fruto de acordo entre a Liderança do Governo e membros da oposição, oficializado durante a reunião da Comissão. Caso algum dos investigados deixe de comparecer, os convites devem ser transformados em convocação.