25/04/2016

Batatais deve receber programação de cinema

Cidade foi contemplada pelo Programa Pontos MIS

Batatais deve receber programação de cinema oferecida pelo Programa Pontos MIS, do MIS (Museu da Imagem e do Som) – vinculado à Secretaria Estadual da Cultura. Por meio de intermediação do deputado estadual Roberto Engler (PSDB), a cidade foi incluída na agenda de exibições do programa.

O Pontos MIS é um programa de circulação e difusão audiovisual para a formação de público e circulação de obras do cinema. O programa é uma parceria entre o Museu da Imagem e do Som, que disponibiliza a programação e o material de divulgação, e os municípios, a quem cabe oferecer a infraestrutura necessária (espaço adequado para as exibições, equipamentos, equipe e divulgação local).

O deputado estadual Roberto Engler conseguiu a inclusão de Batatais no Programa Pontos MIS depois de solicitação da vereadora Marilda Covas (PSDB) e de contato com a diretora municipal de Cultura, Alessandra Baltazar. 

“Fizemos a intermediação junto ao MIS e a cidade será contemplada neste ano, possivelmente a partir do segundo semestre. Mensalmente, dois filmes, um curta-metragem e um longa-metragem, são oferecidos aos municípios. A ideia do programa é ampliar o acesso ao cinema”, disse Roberto Engler. 

Há três anos, a cidade recebeu um kit de cinema da Secretaria Estadual de Cultura e, inicialmente, planeja utilizar esses equipamentos para a exibição de filmes no Auditório do Centro Cultural Professor Sergio Lauratto. Os detalhes das sessões e a data para seu início devem ser definidos nas próximas semanas.

Além das atividades culturais promovidas mês a mês, o Pontos MIS disponibiliza plataformas online para divulgar toda a programação e atender o público interessado em cinema. Acesse o site www.pontosmis.org.br e/ou a página do programa no Facebook para acompanhar as novidades do projeto.


ETEC
O futuro do curso de Informática da Etec (Escola Técnica) Antônio de Pádua Cardoso foi tema de reunião do deputado estadual Roberto Engler, da vereadora Marilda Covas, da diretora da escola, Zaina Maria Garbellini, e do coordenador do curso, Nelson Manfrin, com a superintendente do Centro Paula Souza, Laura Laganá, há duas semanas.

A formação não será oferecida na Etec para o próximo semestre e a audiência serviu para avaliar formas de ampliar a procura e reduzir a evasão de alunos matriculados no curso. 

Durante a conversa, foi apresentada solicitação para modernização dos laboratórios de informática da Etec Antônio de Pádua Cardoso. “A professora Laura Laganá planeja repassar computadores novos para a escola em breve, dependendo apenas da finalização de licitação para a compra das máquinas. Ao menos um dos laboratórios deve ser renovado”, revelou o deputado Roberto Engler.