19/11/2015

Etec de Guaíra vai iniciar atividades com três cursos

Paula Souza mantém formação de Administração com Ensino Médio na escola

imagem_destaque

Valterson De Deus, Edvaldo Morais, Laura Laganá, Roberto Engler e José Natal

Reunião realizada em São Paulo, na tarde desta quarta-feira (18), definiu que a formação de Administração integrada ao Ensino Médio, com 40 vagas, será mantida no vestibulinho da Etec (Escola Técnica) de Guaíra. Com isso, a nova Etec vai iniciar suas atividades em 2016 com três cursos, nas áreas de Administração e Informática.

A manutenção foi tema de audiência intermediada pelo deputado estadual Roberto Engler (PSDB) com a superintendente do Centro Paula Souza, professora Laura Laganá, da qual também participaram o vereador José Natal Pereira (PSDB), o assessor parlamentar Edvaldo Morais e o supervisor da Secretaria Municipal de Educação de Guaíra, Valterson de Deus.

A Escola Técnica de Guaíra vai oferecer, no vestibulinho deste fim de ano (já com inscrições encerradas), 40 vagas para o curso de Administração integrado ao Ensino Médio (período integral). Além disso, vai incorporar classes descentralizadas da Etec Raphael Brandão, de Barretos, com os cursos de Informática e Administração, no período noturno, com turmas já em andamento.

A proporção de inscritos para o curso de Administração integrado ao Ensino Médio foi de 1,35 candidato por vaga. A professora Laura Laganá flexibilizou a regra inicial de que essa correlação teria de ser no mínimo de 1,5 para a manutenção da formação, o que permitiu que se leve o vestibulinho à frente.

Por baixa procura, 0,9 candidato por vaga, a formação técnica em Comércio, que chegou a constar do vestibulinho em andamento, só deve ser oferecida no segundo semestre do ano que vem. Os estudantes que se registraram para concorrer a vagas no curso por meio do processo seletivo atual vão receber reembolso do valor pago no ato da inscrição.

“Como a escola é nova, a divulgação do processo seletivo acaba prejudicada, porque não existe a tradição e o reconhecimento da comunidade guairense com relação à Etec. Isso tende a melhorar já no ano que vem, com a escola criada, devidamente instalada e atendendo os estudantes”, avaliou o deputado estadual Roberto Engler.

A Etec vai ocupar o prédio da Escola Municipal Professora Maria Auxiliadora Lélis Alves. A estrutura física do local necessita de pequenas adequações, especialmente para dotá-la de acessibilidade.

No fim de agosto, o Centro Paula Souza enviou à Prefeitura de Guaíra o projeto básico das intervenções necessárias no imóvel. As obras serão executadas pelo município, que, no momento, prepara o projeto final das melhorias para poder iniciá-las. A Etec de Guaíra deve começar a funcionar em janeiro de 2016.