24/08/2015

Daee prevê início de obras da ETE de São Joaquim para outubro

Estação terá investimento de R$ 12,8 milhões em recursos do Governo do Estado

imagem_destaque

Geraldo Alckmin e Roberto Engler, em junho, durante anúncio da licitação da ETE de São Joaquim da Barra

Informações fornecidas pelo Daee (Departamento de Águas e Energia Elétrica), ao deputado estadual Roberto Engler (PSDB), prevêem o início da construção da ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) de São Joaquim da Barra para outubro deste ano. Cerca de R$ 12,8 milhões devem ser investidos na obra.

A concorrência pública que vai definir a empresa responsável pela construção da estação de tratamento foi iniciada em junho e deve ser finalizada até setembro. 

“As previsões do Daee nos deixam otimistas. O processo está encaminhado e a obra garantida. A nossa função agora, prosseguindo com o trabalho de tanto tempo pela Estação de Tratamento de Esgoto de São Joaquim da Barra, é acompanhar o processo, zelando para que tudo avance bem e esses prazos sejam confirmados na prática”, afirmou o deputado estadual Roberto Engler.

A Estação de Tratamento de Esgoto de São Joaquim da Barra vai tratar 100% dos esgotos domésticos da cidade, beneficiando mais de 50 mil moradores até 2030. Com a obra, aproximadamente 86 toneladas/mês de carga orgânica proveniente do esgoto doméstico deixarão de ser lançadas no Rio Sapucaí.

O deputado estadual Roberto Engler ressaltou o cumprimento do compromisso assumido pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB), em junho do ano passado. 

“Quando obtivemos a autorização para a obra, muita gente ainda duvidou, alguns até apostando contra os interesses de São Joaquim. Tudo o que foi prometido vai se confirmando e temos de enaltecer a consideração que o governador demonstra com São Joaquim da Barra”, disse o parlamentar. 

Roberto Engler ainda falou sobre a ampla mobilização realizada em conjunto com lideranças de São Joaquim da Barra. “A atuação, etapa por etapa, junto às secretarias estaduais, foi importantíssima. Ressalto, em especial, a participação do companheiro vereador Éder Tavares (PSDB, do PSDB joaquinense e do prefeito Marcelo Mian (PT). Foi um trabalho que se estendeu por meses e meses e vai sendo premiado", afirmou.