01/06/2015

Deputado Roberto Engler confere obras na Maurílio Biagi

Com R$ 29,2 milhões em investimentos, duplicação deve ser concluída até março

imagem_destaque

Roberto Engler no canteiro de obras da Maurílio Biagi

O canteiro de obras da duplicação da Rodovia Maurílio Biagi (SPA-343, da SP-322), entre Sertãozinho e Pontal, recebeu a visita do deputado estadual Roberto Engler (PSDB), na tarde desta segunda-feira (1º). O deputado foi um dos principais responsáveis pelo investimento de R$ 29,2 milhões destinados ao trecho de 9,7 quilômetros.

Autoridades regionais acompanharam Roberto Engler na vistoria às obras. Estiveram presentes, o prefeito de Sertãozinho, Zezinho Gimenez (PSDB), o prefeito de Barrinha, Mituo Takahasi, o Katiá, os vereadores Márcio Leite (PPS), de Sertãozinho, Leandro Gasqui (PSDB), de Pontal, David Paula Dias, o Cabo David (PPS), de Barrinha, e Leonardo Belezini (PSB), de Orindiúva, e o diretor de Indústria e Comércio de Sertãozinho, Dino Merlin.

“As obras estão avançando rapidamente, conforme quem passa pela rodovia pode observar. O maior ganho, sem dúvida alguma, virá com a redução do número de ocorrências e acidentes registrados na estrada. A população de Sertãozinho e Pontal sabem bem o valor dessa obra”, afirmou o deputado Roberto Engler.

Iniciada no fim de março, a previsão de duração da duplicação da Maurílio Biagi é de um ano. Cerca de duzentos e cinqüenta postos de trabalho diretos e indiretos estão sendo gerados.

A obra está inserida em um pacote de obras do DER que contam com aporte de recursos internacionais de quase R$ 1 bilhão, dinheiro emprestado pelo BID ao Governo do Estado de São Paulo, que ofereceu contrapartida de cerca de R$ 500 milhões.

Há mais de três anos, o deputado estadual Roberto Engler tem trabalhado pelas melhorias na Maurílio Biagi, em parceria com lideranças de Pontal e de Sertãozinho. “Foram vários degraus subidos um a um, com trabalho e dedicação, e ver de perto como as melhorias vão se tornando realidade é uma satisfação”, avaliou Roberto Engler.

Desde 2012, a interlocução junto à Secretaria Estadual de Transportes, ao DER e à Secretaria Estadual da Casa Civil foi intensificada. Em março daquele ano, quando recebeu o título de cidadão pontalense, o parlamentar manifestou, pela primeira vez, sua convicção de que a obra seria realizada.