18/05/2015

Encontro de Grêmios Estudantis discute representatividade

Diretoria Regional de Ensino de Barretos organizou evento

imagem_destaque

Roberto Engler conversa com diretores, professores e alunos

O deputado estadual Roberto Engler (PSDB) participou, na manhã de sábado (16), do 6º Encontro de Grêmios Estudantis da Diretoria Regional de Ensino de Barretos. O parlamentar integrou Roda de Conversa que discutiu, em especial, a importância da representatividade estudantil.

A anfitriã do encontro, que reuniu dezenas de professores, diretores e estudantes e durou cerca de três horas, foi a diretora da Escola Estadual Paulina Nunes de Moraes, Márcia Fernandes Brandão. 

O debate foi conduzido pela dirigente regional, Solange de Oliveira Bellini, e também teve a presença da aluna da Escola Estadual Valois Scortecci, Lara Amim Nunes, do presidente da Câmara Municipal de Barretos, André Luiz Rezek (PMDB), do juiz de Direito, Doutor Luciano de Oliveira Silva, e do padre Luiz Paulo Soares.

 “O interesse pelos assuntos da comunidade a que pertencemos é algo essencial, que deve ser cultivado desde cedo, porque somente a participação e o engajamento de cada cidadão podem possibilitar que os avanços ocorram. A representatividade estudantil é um belíssimo laboratório que serve de estímulo para que os alunos de hoje, adultos de amanhã, exerçam sua cidadania de forma completa”, disse o deputado Roberto Engler.

“Agradeço à dirigente Solange Bellini e a todos os amigos com que passamos uma agradável manhã, pela oportunidade de conversar com tantas pessoas que dedicam sua vida à Educação e com tantos jovens interessados, cheios de potencial”, completou o parlamentar.


ZEQUINHA AMÊNDOLA
O deputado estadual Roberto Engler aproveitou a estadia em Barretos para conferir de perto a construção da nova escola estadual do Zequinha Amêndola (Barretos II). Cerca de R$ 6 milhões estão sendo investidos, pela Secretaria Estadual de Educação, na obra, intermediada pelo parlamentar em parceria com prefeito Guilherme Ávila (PSDB). “Em breve, esperamos poder inaugurar a unidade escolar, permitindo que a comunidade usufrua dessa conquista”, disse Roberto Engler.

A nova escola vai ter seis salas de aula, com outros espaços pedagógicos, como salas de uso múltiplo, sala de leitura, laboratórios de química e de informática, onde vai ser implantado o programa Acessa Escola, quadra de esportes coberta com tabelas de basquete, traves de futebol e iluminação. 

O prédio será dotado dos componentes de acessibilidade para portadores de necessidades especiais, como rampas, corrimãos, piso tátil e sinalização adequada e também de sistema completo de prevenção e combate a incêndios.