08/06/2014

Iamspe vai contratar novos médicos para Franca e interior

Concurso prevê novo clínico e dois novos ginecologistas no ambulatório da cidade

O Iamspe (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual) vai contratar 31 novos médicos para atuarem nos 13 Ceamas (Centros de Assistência Médico-Ambulatorial) do Iamspe no interior do Estado. No ambulatório de Franca, são três vagas: uma para clínicos gerais e duas para ginecologistas.

Todas as vagas do estado são para essas duas especialidades e as inscrições já estão abertas. “É uma notícia boa para ampliar o número de profissionais que atendem nos ambulatórios regionais. A falta de médicos tem sido um dos alvos de reclamações”, avalia o deputado estadual Roberto Engler (PSDB).

Os interessados devem comparecer ao Núcleo de Planejamento e Seleção de Recursos Humanos do Iamspe (Avenida Ibirapuera, 981 - Vila Clementino - São Paulo/SP - Prédio da Administração - 4º andar), até o dia 16 de junho, das 10h às 15h. O candidato deverá pagar uma taxa de inscrição no valor de R$ 66,46. Informações adicionais aqui.


INVESTIMENTOS
O deputado estadual Roberto Engler propôs reforços no atendimento feito pelo Iamspe (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual), em especial nos Ceamas (Centros de Assistência Médico-Ambulatorial). Engler fez emenda ao projeto de lei 522/2014, que trata das Diretrizes Orçamentárias do estado para 2015, e uma indicação ao governador Geraldo Alckmin (PSDB) pedindo aumento dos investimentos no Iamspe.

A emenda apresentada ao projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias prevê aumento no número de atendimentos médicos realizados pelos 18 Ceamas existentes no estado de São Paulo. Seriam 650 mil atendimentos anuais em vez dos 620 mil previstos na proposta. 

Na recomendação feita ao governador Geraldo Alckmin, o pedido de investimentos no Iamspe é global. O deputado Roberto Engler revela que reclamações de diversos servidores em relação ao atendimento do instituto têm sido apresentadas, ressaltando o fim de convênios com instituições particulares em alguns municípios.

Engler ainda relembra pedidos feitos durante recente audiência pública, promovida pela Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento da Assembleia Legislativa, em Franca, para que o Iamspe receba melhorias e frisa que é preciso que se aumentem os valores de contrapartida do Iamspe para que seja possível alcançar novos convênios e aumentar a rede de profissionais credenciados.

“Tanto a indicação quanto a emenda são no sentido de sinalizar a importância de valorizar o Iamspe, permitindo assistência médica de qualidade ao servidor”, afirma o deputado estadual Roberto Engler.