28/11/2013

Duplicação da Fábio Talarico em Franca deve começar em fevereiro

Com licitação concluída, DER acerta detalhes para autorizar início da obra

imagem_destaque

Roberto Engler e Geraldo Alckmin

A duplicação de seis quilômetros da Rodovia Fábio Talarico no perímetro urbano de Franca (entre o trevo com a Cândido Portinari e o fim do Distrito Industrial) deve ser iniciada até fevereiro de 2014. O DER (Departamento de Estradas de Rodagem) trabalha pra definir pequenas desapropriações necessárias para a obra, que já tem licença ambiental prévia.

A licença ambiental definitiva – licença de instalação – deve ser expedida em janeiro. “Observando as informações fornecidas pelo DER sobre os processos documentais exigidos pela legislação, a previsão de fevereiro é a mais viável”, afirma o deputado Roberto Engler (PSDB). 

Engler tem tratado das obras na Fábio Talarico, e na Rodovia Cândido Portinari, com o superintendente do DER, Clodoaldo Pelissioni, com o secretário estadual de Transportes, Saulo de Castro, e com o governador Geraldo Alckmin (PSDB). 

“A questão da chamada DUP (Declaração de Utilidade Pública) tem tudo para ser equacionada em cerca de 20 dias. Com isso, restará a licença definitiva para que a obra seja iniciada”, revela o deputado.

O início iminente da duplicação, que tem custo de cerca de R$ 30 milhões, é possível graças ao fato de que a licitação das intervenções já foi concluída. “A concorrência pública costuma ser a parte mais demorada do processo e essa etapa já está superada. Por isso, creio que a previsão de obras em fevereiro deve se confirmar”, diz o deputado Roberto Engler.


RECAPE
A licitação para definir empresa responsável pelo recapeamento, com faixas adicionais e remodelação completa do trevo de acesso a São José da Bela Vista, da Fábio Talarico entre Franca e São Joaquim da Barra está em andamento. As propostas e a documentação apresentadas pelas construtoras interessadas em realizar as obras estão em análise pelo DER. 

Cerca de R$ 60 milhões devem ser investidos nas intervenções, que devem se estender entre os quilômetros 42,5 e 83 da via. “Estamos em meio ao processo natural que envolve a concorrência pública. Acredito que no comecinho do ano que vem, quem sabe já em janeiro, as obras estejam em andamento. Vou seguir acompanhando até que seja assim”, afirma o deputado Roberto Engler.

As melhorias da Fábio Talarico entre Franca e São Joaquim da Barra vão completar a recuperação da Rodovia Fábio Talarico, já que o trecho entre São Joaquim e Ipuã foi recapeado recentemente e outro setor, no município de Guaíra, também está em licitação. 

No total, a Fábio Talarico deve receber mais de R$ 100 milhões em investimentos do Governo do Estado.