06/11/2013

Roberto Engler visita obras da piscina da Apae de Franca

Melhoria está sendo construída com verba estadual e contrapartida da entidade

imagem_destaque

Roberto Engler e Jorge Sandrin observam construção da piscina

A Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Franca deve passar construir sua piscina aquecida até o fim do ano. A entidade está investindo R$ 200 mil na melhoria, sendo R$ 120 mil de recursos estaduais conseguidos pelo deputado estadual Roberto Engler (PSDB) e outros R$ 80 mil de contrapartida da associação. Na companhia do presidente da Apae, Jorge Sandrin, Engler visitou as obras na segunda-feira (4).

A piscina será voltada ao atendimento de todos os alunos, em especial àqueles que necessitam de atividades de Fisioterapia. “Essa é mais uma melhoria para a nossa Apae conquistada com apoio do Governo do Estado depois de pedido nosso”, disse o deputado Roberto Engler.

Engler agradeceu ao governador Geraldo Alckmin (PSDB) e à sua equipe pela liberação dos recursos. “Tenho um histórico de trabalho político ligado à área social e o governador Alckmin compartilha dessa preocupação. O apoio do Estado às entidades é uma forma de colaborar com aqueles que dedicam parte de suas vidas a contribuir para ajudar outras pessoas, uma virtude e tanto”, disse.

Em dezembro do ano passado, o deputado participou da inauguração do novo almoxarifado da Apae. Parte da obra de reforma e ampliação foi financiada com verba estadual de R$ 100 mil, também intermediada por ele. 

A reformulação do almoxarifado, na verdade, foi quase uma reconstrução do espaço. 156 metros quadrados já existentes foram reformados e outros 211 foram erguidos, totalizando 367 metros quadrados de área construída e permitindo a acomodação adequada de todos os materiais necessários para os atendimentos em um só local. 

Em meados de 2012, a Apae já havia inaugurado outra grande obra financiada por meio de recursos do Governo do Estado intermediados por Engler: o novo Ambulatório de Habilitação e Reabilitação, que atende em média cerca de 180 pessoas por mês. 

Foram R$ 170 mil usados para reforma e ampliação do espaço, que oferece serviços multidisciplinares e envolve áreas como Terapia Ocupacional, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Assistência Social, Psicologia, Serviços Médicos, Odontologia, entre outros.