31/10/2013

DER contrata projeto para nova ponte entre Morro Agudo e Viradouro

Licitação é passo inicial para solução definitiva na ligação entre as cidades

imagem_destaque

Clodoaldo Pelissioni e Roberto Engler

O DER (Departamento de Estradas de Rodagem) publicou, hoje (31), edital de licitação para definir empresa que vai elaborar projeto de construção de uma nova ponte, sobre o Rio Pardo, para substituir a existente na Rodovia Vicinal Professor Orlando Diniz Junqueira (em Viradouro, Rodovia Vicinal Durval Marçal Vieira). A concorrência pública é claro sinal dos planos de solução para o problema da ligação atual, conforme vem defendendo e pedido o deputado estadual Roberto Engler (PSDB) e lideranças de Morro Agudo.

Engler tem atuado junto ao DER em parceria com o prefeito de Morro Agudo, Amauri Benedetti (PDT), a vereadora Juliana da Floricultura (PV), e o empresário Flávio Bueno de Camargo para viabilizar a nova ponte. A ideia inicial é que a obra seja realizada em outro ponto do Rio Pardo, local em que a largura do curso d’água seja a menor possível, o que diminuiria custos.

Essa projeção seria possível com alterações no trajeto da rodovia e prolongamento da Rodovia Altino Arantes, modificações significantes no percurso que liga Morro Agudo e Viradouro. A Prefeitura de Morro Agudo está colaborando com o DER no sentido de aperfeiçoar o projeto da melhor maneira possível.

 “São obras complexas. A licitação do projeto da nova ponte é algo que representa um primeiro passo para viabilizar todas essas intervenções”, revelou o deputado Roberto Engler. No fim de abril, o parlamentar e comitiva de Morro Agudo se reuniram com o superintendente do DER, Clodoaldo Pelissioni, tratando do assunto. “Essa medida é fruto do que foi discutido naquele dia”, completou.


REPAROS NA PONTE ATUAL
Enquanto a construção de uma nova ponte entre Morro Agudo e Viradouro não se define, a pedido do deputado estadual Roberto Engler, o DER deve fazer reparos na atual. As obras aguardam aval da Secretaria Estadual da Casa Civil para serem operacionalizados.

As intervenções estão orçadas em cerca de R$ 495 mil e têm sido solicitadas em parceria com o prefeito de Morro Agudo, Amauri Benedetti, a vereadora Juliana da Floricultura, o empresário Flávio Bueno de Camargo e outras lideranças da cidade.

A ponte tem 285 metros de comprimento e 5,1 metros de leito carroçável. O departamento identificou a necessidade de repavimentação da via, com reforço das juntas da ponte, instalação de barreiras de concreto nos guarda-corpos, aumento da sinalização, inclusive com redutores de velocidade, entre outros procedimentos. “Aguardamos autorização da Secretaria da Casa Civil para que a obra seja viabilizada”, revelou Engler.

A ponte atual permite a passagem de apenas um veículo por vez e já provocou inúmeros acidentes recentes, inclusive com vítimas fatais.