30/08/2013

Alckmin visita Pedregulho e Ipuã neste sábado

Chefe do Executivo Estadual anuncia enfermarias de cuidados prolongados

imagem_destaque

Roberto Engler e Geraldo Alckmin

O governador Geraldo Alckmin visita as Santas Casas de Pedregulho e Ipuã neste sábado (31). Acompanhado do deputado estadual Roberto Engler (PSDB) ele oficializa os dois hospitais como enfermarias de cuidados continuados, um projeto piloto no Brasil e que faz parte do programa São Paulo Amigo do Idoso.


A ideia do Governo do Estado é converter hospitais de pequeno porte em locais de cuidados a pacientes que necessitam de internação simples. Os leitos desses hospitais, muitos deles freqüentemente vazios, seriam destinados a esses enfermos. “Como resultado, as Santas Casas teriam maior renda e os hospitais gerais, mais vagas para casos de maior complexidade”, afirma o deputado Roberto Engler.


Em Pedregulho, serão destinados 22 leitos e em Ipuã, 20. O Governo investiu R$ 2 milhões em cada uma das Santas Casas para dotá-las da estrutura necessária para se converterem em enfermarias de cuidados continuados. “É um trunfo na região de Franca, que é a primeira a receber esse projeto do Governo do Estado que, até 2014, será estendido a outras regiões do estado, como as de São José do Rio Preto, Marília, Presidente Prudente e Araçatuba”, revela Engler.

 

 

PROGRAMA SP AMIGO DO IDOSO
O programa São Paulo Amigo do Idoso foi lançado em maio de 2012, pelo governador Geraldo Alckmin, e envolve ações voltadas à proteção, educação, saúde e participação da população paulista acima de 60 anos. Baseia-se no conceito de “Envelhecimento Ativo”, da Organização Mundial de Saúde (OMS): independência, participação, assistência, autorrealização e dignidade. 


Para o Governo do Estado de São Paulo, promover um envelhecimento ativo significa oferecer, à população com mais de 60 anos, a oportunidade de conviver em sociedade, demonstrar opiniões, tomar decisões políticas, circular pela cidade, consumir arte e cultura, se relacionar, e ter saúde física e mental.