09/09/2013

DER confirma recape da Armando Sales entre Olímpia e Icém

Deputado Roberto Engler cobrou melhorias; obra deve ser licitada no próximo mês

imagem_destaque

Clodoaldo Pelissioni e Roberto Engler

O Governo do Estado vai investir R$ 75,6 milhões em melhorias na Rodovia Armando Sales de Oliveira (SP-322) entre Olímpia e Icém, passando por Guaraci e Altair. A informação foi obtida pelo deputado estadual Roberto Engler (PSDB), em reunião com o superintendente do DER (Departamento de Estradas de Rodagem), Clodoaldo Pelissioni, na última quarta (4).

No primeiro semestre deste ano, o departamento atualizou o projeto das intervenções. O trecho entre quilômetros 449 ao 500,4 deve receber recapeamento, implantação de faixas adicionais e pavimentação de acostamentos. 

“A previsão da publicação da concorrência pública é para o mês que vem”, revelou Engler. “A obra será executada por meio de financiamento internacional”, completou o parlamentar.

O pacote de melhorias entre Olímpia e Icém completará a recuperação completa da Rodovia Armando Sales nos trechos de responsabilidade do Governo do Estado, já que as obras de recape e terceiras faixas entre Bebedouro e Olímpia, passando por Monte Azul Paulista, Cajobi e Severínia e com pequeno trecho de duplicação na capital da laranja, estão em pleno andamento.

O deputado Roberto Engler, que teve papel essencial para viabilizar a primeira parte das obras, ressaltou a preocupação do Governo do Estado com este tipo de obras. “O esforço do governador Geraldo Alckmin (PSDB) é justamente no sentido de priorizar investimentos nas estradas estaduais. Somente neste ano, são R$ 2 bilhões em investimentos. Não resta dúvida da importância deste tipo de intervenção”, afirmou Engler.


VICINAL GERÔNIMO THOMAZ DA SILVA
Durante o encontro com o superintendente do DER, Clodoaldo Pelissioni, o deputado Roberto Engler tratou também da pavimentação de 4,9 quilômetros da Rodovia Vicinal Gerônimo Thomaz da Silva. A via liga a cidade ao distrito de Suinana e segue para Onda Verde. O trecho que precisa ser pavimentado se inicia depois do distrito e se estende até ponte localizada quase cinco quilômetros depois.

Pelissioni explicou ao parlamentar que o investimento em estradas vicinais não é a prioridade momentânea do Governo do Estado e que tal investimento, estimado em cerca R$ 5 milhões, necessita de autorização do governador Geraldo Alckmin. “Vamos levar a demanda para avaliação do Palácio”, afirmou Engler.